ARQUEGENEALOGÍA FOUCAULTIANA EN LA ENSEÑANZA DE HISTORIA: EL DISCURSO NEGATIVO DE EXTREMA DERECHA BRASILEÑA SOBRE LA DICTADURA MILITAR DE BRASIL EN UNA PROPUESTA DIDÁCTICA

Palabras clave: Arquegenealogía, Más a la derecha, Dictadura militar, Enseñanza de la historia

Resumen

El objetivo de este trabajo consiste en organizar una propuesta didáctica para la enseñanza de Historia, a partir del análisis de narrativas negacionistas de la extrema derecha brasileña sobre la Dictadura Militar de Brasil. Para ello, partimos de las reflexiones de los estudios discursivos de Foucault, a través de las nociones de discurso, enunciado, formación discursiva y voluntad de verdad. Sobre la metodología, vale destacar que se trata de un estudio descriptivo-cualitativo, cuyo abordaje sigue un sesgo predominantemente cualitativo. La posibilidad de problematizar los objetos de conocimiento de la Historia en la educación básica, mediante la arquegenealogía, se mostró viable y posible, en la medida que potencializamos el análisis del discurso negacionista de la extrema derecha sobre la Dictadura Militar de Brasil, en una propuesta didáctica, que nos ayudó a sintetizar las materialidades discursivas, con vistas a problematizar, en el aula, enunciados que suscitan ciertas "voluntades de verdad" acerca de la dictadura militar en los dichos del actual escenario sociopolítico brasileño.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Citas

ANDRADE, Julia Pinheiro; SARTORI, Juliana . O professor autor e experiências significativas na educação do século XXI: estratégias ativas baseadas na metodologia de contextualização da aprendizagem. In: BACICH, Lilian; MORAN, José (org.). Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso, 2018, p. 300-336.
ANDRADE, Julia Pinheiro; SARTORI, Juliana. Educação que faz sentido para a vida: Metodologia de Contextualização da Aprendizagem. São Paulo: Atina, 2016. Disponível em: Acesso em: 06 mar. 2021;
BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. Ensino de História: fundamentos e métodos. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2008.
BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Ministério da Educação. Brasília: MEC/SEB, 2017. Disponível em: . Acesso em: 07 mar. 2021.
CARVALHO, Igor. Na avenida Paulista, manifestantes pró-Bolsonaro pedem intervenção militar. Brasil de Fato, São Paulo, 07 jun. 2020. Política. Disponível em: Acesso em: 04 mar. 2021.
COMO TRUMP e o Brexit ajudaram a cunhar a ‘palavra do ano’ escolhida pelo dicionário Oxford. BBC News Brasil, [s.l.], 16 nov. 2016. Brasil. Disponível em: Acesso em: 07 mar. 2021.
CONSERVADOR, Movimento Brasil. “O Brasil passa por uma situação clara: Bolsonaro quer governar sem conchavos e negociatas...” [s.l.], 21 maio 2020b. Instagram: @eusoumbc. Disponível em: Acesso em: 03 mar. 2021.
CONSERVADOR, Movimento Brasil. Bolsonaro e os símbolos de sua ideologia: Deus, pátria, família e armamento”. [s.l.], 23 jun. 2020a. Instagram: @eusoumbc. Disponível em: Acesso em: 04 mar. 2021.
CONSERVADOR, Robô. “A família tradicional, armada e feliz”. [s.l.], 24 maio 2020b. Instagram: @roboconservador. Disponível em: Acesso em: 03 mar. 2021.
CONSERVADOR, Robô. “As Forças Armadas estão sofrendo ataques da direita e da esquerda!”. [s.l.], 14 jul. 2020a. Instagram: @roboconservador. Disponível em: Acesso em: 05 mar. 2021.
DIREITA, Brasil de. Bolsonaro orando sobre a bandeira do Brasil. [s.l.], 19 maio 2020a. Instagram: @brasil.de.direita. Disponível em: Acesso em: 03 mar. 2021.
DIREITA, Brasil de. Bolsonaro, sozinho, tenta salvar o Brasil das mãos dos comunistas. [s.l.], 09 maio 2020b. Instagram: @brasil.de.direita. Disponível em: Acesso em: 03 mar. 2021.
É #FAKE que Haddad criou o ‘kit gay’ para crianças de seis anos. G1, [s.l.], 16 out. 2018. Fato ou fake. Disponível em: Acesso em: 08 mar. 2021.
FOUCAULT, Michel. A Arqueologia do Saber. 7. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008. 1.
FOUCAULT, Michel. Verdade e o poder. In: FOUCAULT, Michel. Microfísica do poder. Tradução de Roberto Machado. 13. ed. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1998.
GARCIA; FALCÃO. Ato pró-Bolsonaro em Brasília reúne manifestantes em defesa de medidas inconstitucionais. G1, Brasília, 31 maio 2020. Política. Disponível em: Acesso em: 02 mar. 2021.
JAIR Bolsonaro: “Sou preconceituoso, com muito orgulho”. Época, [s.l.], 02 jul. 2011. Brasil. Disponível em: Acesso em: 05 mar. 2021.
LIBÂNEO, José Carlos. Didática. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2013.
MACHADO, Roberto. Por uma Genealogia do Poder. In.: FOUCAULT, Michel. Microfísica do Poder. 13. ed. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1998.
MARQUES, Welisson. O método arquegenealógico na análise do discurso: o potencial sujeito aprendiz e aprendizagem de língua inglesa no discurso publicitário-institucional. Linguagem em discurso: Tubarão, v. 16, n. 2, p. 261-272, maio/ago. 2016. Disponível em: Acesso em: 05 mar. 2021.
O DESESQUERDIZADOR. “Jair Bolsonaro tomou facada de um psicopata contratado pela esquerda...” [s.l.], 23 jun. 2020a. Instagram: @o_desesquerdizador. Disponível em: Acesso em: 06 mar. 2021.
O DESESQUERDIZADOR. “Triste realidade: a OAB não representa mais os advogados. A CNBB não representa mais os católicos...” [s.l.], 24 jun. 2020b. Instagram: @o_desesquerdizador. Disponível em: Acesso em: 05 mar. 2021.
SEIXAS, Rodrigo. A retórica da pós-verdade: o problema das convicções. EID&A: Ilhéus, n. 18, p. 122-138, abr./2019. Disponível em: Acesso em: 07 mar. 2021.
SOARES, Ingrid. Bolsonaro diz que não houve golpe militar em 1964. Correio Braziliense, Brasília, 31 mar. 2020. Política. Disponível em: Acesso em: 01 mar. 2021.
SOARES, Olavo. Bolsonaro disse que Forças Armadas “estão com o povo”. Mas elas estão com Bolsonaro? Gazeta do Povo, Brasília, 04 maio 2020. República. Disponível em: Acesso em: 04 mar. 2021.
SODRÉ, M. O facto falso: Do factoide às fake news. In: FIGUEIRA, J.; SANTOS, S. (Orgs.). As fake news e a nova ordem (des)informativa na era da pós-verdade. Coimbra, Portugal: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2019, p. 87-100.
VICTOR, Fabio. História, volver: o 31 de março, o golpe militar e a nostalgia da direita. Piauí, [s.l.], 31 mar. 2019. Disponível em: Acesso em: 02 mar. 2021.
Publicado
2021-10-19
Métricas
  • Visualizaciones del Artículo 74
  • PDF downloads: 31
Cómo citar
Sousa Alves, A. S. de, & Vieira da Silva, F. (2021). ARQUEGENEALOGÍA FOUCAULTIANA EN LA ENSEÑANZA DE HISTORIA: EL DISCURSO NEGATIVO DE EXTREMA DERECHA BRASILEÑA SOBRE LA DICTADURA MILITAR DE BRASIL EN UNA PROPUESTA DIDÁCTICA. PARADIGMA, 42(3), 38-69. https://doi.org/10.37618/PARADIGMA.1011-2251.2021.p38-69.id1121